Blog de Formação

A Jufra que queremos ser: novos tempos, nova formação



By  Juventude Franciscana JUFRA) do Brasil     14:58     

A menos de uma semana do IV Congresso Nacional Extraordinário da Juventude Franciscana é importante refletir o que desejamos e a importância histórica do mesmo para a nossa caminhada, como forma de construir o Reino nos Caminhos da História.
Primeiramente, é importante entender o contexto que nos fez chegar até aqui. Nos últimos dois anos, desde o Encontro Nacional de Formadores/as, temos avaliado a partir de nossas realidades locais a grande necessidade de rediscutirmos a caminhada formativa de nossos/as jovens, a fim de atualizar a mesma, atendendo os anseios da JUFRA que queremos ser, reforçando nosso compromisso com a Juventude, com a Igreja, com a Família Franciscana e com a Sociedade. Entendemos que, para isso, é fundamental investir na formação de nossos/as jovens em todas as dimensões: humana; cristã; franciscana; sócio-politica-ambiental, aliando sempre as experiências concretas como meio para uma formação integral.
Nessa perspectiva, foi apresentada pelos formadores/as da JUFRA, durante o Congresso Nacional, realizado em Santa Maria/RS em fevereiro de 2013, a proposta de convocação de um Congresso Extraordinário com a finalidade de reformular as Diretrizes de Formação, que datam de 1995. Nesse sentido, compreende-se o porquê de chamarmos esse Congresso de extraordinário, uma vez que tem uma finalidade específica que vai para além da eleição do Secretariado Fraterno Nacional, que ocorre tradicionalmente de forma ordinária a cada três anos.
A partir disso, foi iniciado um trabalho de base onde todos os regionais da JUFRA do Brasil deveriam promover momentos formativos que possibilitassem a discussão de nossas Diretrizes com as bases, as fraternidades locais, como forma de que estas pudessem apresentar seus anseios e desejos de mudança. Esse passo foi fundamental, uma vez que acreditamos em um modelo formativo horizontal, onde todos são coparticipantes do processo e, portanto, têm algo a nos dizer.
 “Caminhar é importante, mas é preciso que encontremos um sentido no nosso caminhar”. É para dar sentido à nossa caminhada que temos Diretrizes, como forma de orientar, acompanhar e direcionar todos os/as jufristas, proporcionando a eles/as uma formação integral. Entendemos que nossos jovens aprendem tanto de maneira formal, mas principalmente pela experiência de vida fraterna e pelas práticas que desenvolvem ao longo de sua caminhada. Nesse contexto as Diretrizes compreendem a formação de uma maneira global, não apenas como repasse de temas ou um processo sistemático.
As Diretrizes de Formação também unificam nossa caminhada enquanto Juventude Franciscana do Brasil, ou seja, um jovem que realiza o Encontro Inicial da Formação Básica no Norte, passou pelo mesmo processo que um jovem do Sul. Isso, garante que estamos em sintonia como membros de uma grande fraternidade e que estamos nos comunicando numa mesma “linguagem” formativa.
É importante ressaltar que essas Diretrizes são aceitas pela Ordem Franciscana Secular como parte do processo formativo que leva à profissão na mesma. Isso gera duas reflexões importantes, primeiro o fato de recordar a luta de vários/as jufristas que nos antecederam e que questionaram, discutiram e conseguiram em comunhão com a OFS garantir esse direito a todos nós. Demonstra também a confiança que a OFS tem em nosso processo formativo, considerando o mesmo como algo sólido e com metodologias adequadas para os/as jovens.
Diante de tudo isso, estaremos reunidos entre os dias 01 a 04 de Maio na cidade de Mogi Mirim/SP com a ousadia de apresentar a todos/as o que a JUFRA deseja viver: novos tempos, nova formação. Não deixando toda a construção que já temos para trás, mas ao contrário, dando a ela um novo “aggiornamento”, ou seja, adaptando nossa formação às necessidades do mundo atual e moderno, sem perder de vista nosso ponto de partida.
É com esse grande desejo que preparamos nossos corações e pedimos a iluminação do Espírito Santo para que cada decisão tomada seja de fato a vontade de Deus em nossa caminhada. Deus chama a gente para um momento novo. Assim, todos os jufristas do Brasil estarão unidos em só grito, em um só desejo, em um só coração...

Mayara Ingrid de Souza
Secretária Fraterna Nacional



Nos vemos em Mogi! =)

Sobre Juventude Franciscana JUFRA) do Brasil

A Juventude Franciscana (JUFRA) é uma proposta de vivência cristã destinada a jovens que, por vocação, carisma ou índole, se comprometem com o ideal de vida inspirado na espiritualidade franciscana A JUFRA é, ou deve ser, um monte de gente nesse mundão a fora, que tomou consciência de que: primeiro, deve esforçar-se para melhorar o mundo; segundo, que a melhora do mundo começa a partir de si mesmo; e que é preciso no mundo uma escola que ajude as pessoas a tomarem consciência disso. (Essa escola é a própria JUFRA) A JUFRA tem estilo e características próprias. Por isso nessa fraternidade de jovens, os jufristas assumem todos os deveres e, por conseguinte, gozam de todos os direitos inerentes ao compromisso franciscano de vida secular Segundo o Estatuto da JUFRA do Brasil, ela é uma associação civil com caráter e objetivos dentro exclusivamente dos campos Religioso, Educacional e Social.

Nenhum comentário: